quinta-feira, fevereiro 02, 2006

Free at last!...

Que o Semblano me desculpe, mas eu estou com os que defendem a liberdade de expressão a todo o custo, nem que isso afaste os árabes do Ocidente por mais 500 anos.

Aliás, outro dia, no café, estava a contar aquela anedota do miúdo anormal que não tinha orelhas e o estúpido do pai de um mongolóide que estava na mesa ao lado veio dizer nem sei o quê e levou logo nas fuças. Certinho e direitinho, para não haver confusões.
Sim, que com a minha liberdade de expressão ninguém brinca.

FJ

Sem comentários:

Enviar um comentário